Blog Liberfly

Tudo o que você precisa saber para viajar com seu pet!

Tudo o que você precisa saber para viajar com seu pet!

Existem algumas burocracias e cuidados com animais de estimação em voos. O primeiro é ter todas as vacinas em dia, estar higienizado, não estar esperando filhotes e ter os documentos obrigatórios. São exigidos no Brasil o Certificado Veterinário Internacional (CVI) e o Passaporte para Trânsito de Cães e Gatos, expedidos por Auditores Fiscais Federais Agropecuários da Vigilância Agropecuária Internacional (VIGIAGRO).

Ligue para a companhia aérea antes da viagem avisando que levará o animal. As regras para cada empresa variam, existindo um limite no número de animais transportados por voo. O serviço é pago e varia para cada companhia aérea e se a viagem é nacional ou internacional.

É obrigatório o uso da caixa de transporte. Ela deve ser nem muito grande e nem muito pequena, de acordo com o animal. A caixa deve ter espaço para o pet ficar de pé e dar uma volta em círculo sem esbarrar nas laterais. Tanto a caixa quanto a coleira devem conter a identificação do animal e suas informações pessoais. É recomendável deixar brinquedos dentro da caixa para que ele se distraia. Caso a soma da caixa com o animal dê menos de 10kg, ele pode ser transportado na cabine de passageiros. Acima desse peso, é transportado no compartimento de carga e piloto e funcionários devem ser avisados de que há carga viva, para deixar espaço em boas condições de ventilação e temperatura.

A sedação do pet é indicada apenas sob ordem do médico veterinário ou em viagens muito longas. Para uma viagem mais confortável do animal, alimente-o 2 horas antes do embarque. Ao fim do voo, dê muita água e comida. Essas precauções diminuem os danos da viagem no seu melhor amigo, para que ele chegue com muita saúde e passear por novas ruas e postes!