Liberfly | Meu voo foi cancelado: quais são os meus direitos | Blog

Meu voo foi cancelado: quais são os meus direitos

Meu voo foi cancelado: quais são os meus direitos

O cancelamento de voo acaba, absolutamente, com a viagem de qualquer um. Sabemos que antes de fazer a viagem tão esperada, vem aquela ansiedade. Você arruma a mala, tira e coloca as roupas até fechá-la, mas sempre com a impressão de que falta alguma coisa. Corta o cabelo, toma um banho e sai com horas de antecedência para fazer o check-in e esperar o embarque. Sua playlist está quase no fim quando percebe que algo não anda como deveria.

A cabeça já começa a esquentar até que você decide ir até o guiché da companhia quando a voz do aeroporto te antecede: “0075, Vitória – Curitiba, voo cancelado. Dirija-se ao balcão”. Calma! Xingar os funcionários da empresa não vai adiantar de nada e nem vai fazer decolar o voo cancelado!

 

Voo cancelado: o que fazer

Saiba que seus direitos estão resguardados graças a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). Passageiros lesados por companhias aéreas em cancelamento de voo têm direito a assistência material, que envolve desde internet e ligações, até alimentação e hospedagem. Então, se houver negativa de qualquer um desses direitos, se respalde guardando todas as notas fiscais das despesas que teve para resolver essa baita dor de cabeça.

 

Como fica a indenização em voo cancelado?

A prestação de serviços reparadores provenientes de cancelamento de voo nem de qualquer outro problema aéreo impedem que o passageiro seja indenizado. A compensação financeira em casos de cancelamento de voo varia de acordo com o motivo e dos danos sofridos pelo passageiro.

Em casos de voo cancelado por overbooking, manutenção na aeronave e motivos climáticos, a indenização chega a R$ 6.000. Se o cancelamento de voo gerou perda de conexão, esse valor sobe para R$ 8.000.

 

Veja os dados dos problemas aéreos do Brasil no artigo da LiberFly no LinkedIn

 

LiberFly

Imprevistos acontecem, e é preciso estar preparado para isso. Seja por cancelamento, overbooking, extravio ou dano em bagagem, é necessário manter-se informado para não ser lesado pelas companhias aéreas. São grandes empresas, poderosas e milionárias, mas lembre-se que quem faz a economia delas girar é você! O passageiro deve sempre exigir que seu direito seja preservado. Então, em caso de violação do mesmo, fale conosco para resolver toda a burocracia enquanto trabalhamos para garantir sua indenização.